Conheça os principais vedantes para vinho

Tempo de leitura: 1 minuto

Confira abaixo os diferentes tipos de vedantes para vinho:
rolha-de-aglomeradoRolha de aglomerado – Feita com lascas de cortiça coladas. Por ser de menor custo que a de cortiça maciça, é utilizada em vinhos que não têm longa guarda e contempla muito bem a necessidade que alguns rótulos possuem de estar em contato com baixa concentração de oxigênio.rolha-de-cortica-de-espumanteRolha de cortiça de espumante – Normalmente é feita de aglomerado de cortiça natural, com 1 ou 2 discos de cortiça maciça na parte inferior. Conta com o diâmetro maior que dos vinhos sem gás e o formato de cogumelo se dá depois da inserção na garrafa, isso ocorre devido a alta pressão que há dentro dessa garrafa.screw-capTampa de rosca (Screw Cap) – É uma opção eficiente, pois não permite que ocorra contaminação (que pode acontecer na rolha de cortiça – bouchonné). É um vedante prático que não demanda do saca rolhas e é o ideal para preservar o aroma e a acidez.rolha-sinteticaRolha sintética – Comumente de plástico, elas basicamente são usadas para fechar vinhos de consumo rápido, que tenham de 2 a 5 anos desde o engarrafamento. O costume de abrir a garrafa com o saca rolhas permanece.rolha-de-vidro-vino-lokRolha de vidro (Vino-lok) – Outra opção de vendate que não leva cortiça. Sem abrir mão do requinte, a rolha de vidro conserva a bebida a salvo do contato com o oxigênio e é prática: Pode ser retirada só com a pressão do dedo.
rolha-de-cortica-tradicionalRolha de cortiça tradicional – Geralmente, as rolhas de cortiça são aplicadas para vedar vinhos de guarda. É um dos vedantes mais charmosos e valorizados, além de ser produzido com material 100% natural.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *